O ser Humano é um Cristal da Natureza – Saiba mais sobre o seu Potencial

Nota do autor: Esse texto tem 4 partes. Leia com moderação.

Parte 1

Os cristais são estruturas geológicas transdutoras.  Transformam um tipo de energia em outro tipo de energia. 

Em um circuito integrado, como o da placa de um computador, ou de um televisor, podemos observar um conjunto de cristais cumprindo funções em seu sistema.  A maioria das  tecnologias que utilizamos  é  basicamente desenvolvida a partir dos cristais.  Sabemos que a energia fotovoltaica é o resultado da radiação solar  sobre  um cristal de silício. O silício é o segundo elemento mais abundante da face da terra, perfazendo 25.7% do seu peso. 

Em 1991, aos 20 anos de idade, vivi no sótão de uma Oficina de Eletrônicos. Nas horas vagas auxiliava na oficina e em troca aprendia  sobre Eletrônica. Certa vez,  abri  um velho “transistor” e o levei a luz solar,  pude testemunhar através do multímetro os elementos do transistor gerando 0,5 volts com a radiação solar. Um sonho surgiu, imaginei unir em paralelo  440 transistor para   gerar 220 volts através da radiação solar. Não levei o sonho adiante, mas também jamais esqueci dele e  28 anos depois instalamos essa fonte de energia  na Nova Terra. 

Como o Silício, o quartzo possui sua potencia e  funciona como transdutor transformando um tipo de energia em outra.  Quando um cristal é  lapidado, ele amplifica a sua interação com a luz.  Essa interação é observada facilmente com o elemento agua que é um cristal liquido,  a interação da luz com a  agua resulta em  liberação cromática como o efeito do arco –iris.

O ser humano não é diferente. Ele é um cristal por natureza.  Com  70% agua e composto por 5 atomos principais, o carbono, o oxigênio, o nitrogênio, o hidrogênio e o fósforo, o ser humano é o próprio arco-iris.  Estes 5 átomos são encontrados nos núcleos das estrelas,  somos feitos de pó de estrelas e nascemos para brilhar e radiar arco íris. Porem, nascemos lapidados e nos transformamos em cristais brutos. Através da cultura predominante, nos escurecemos no esquecimento da nossa verdadeira natureza. Um cristal bruto não libera o mesmo espectro que um lapidado. É comum encontrar cristais brutos na natureza, mas, são os cristais  lapidados que nos permitem atravessar suas dimensões  translucidas.

Como você se sente? Está em estado bruto? Em processo de lapidação? Está lapidado?

Parte 2

“A ciência sem espiritualidade é CEGA, a espiritualidade sem ciência é PARALITICA”.  Albert Einstein

O caminho  efetivo e simples  para lapidar o nosso cristal interior está descrito na Bandeira da Paz do Pacto de Roerich,  Ciência, Arte e Espiritualidade no circulo infinito da cultura.  A Bandeira da Paz, traz um lema que diz;  Onde há cultura, há Paz . Onde há Paz, há cultura. A Bandeira da Paz está sinalizando para  o cultivo diário de uma mente aberta para a Espiritualidade, a Ciência e a Arte. Por isso, acredito que  um certo grau de ceticismo pode ser saudável  e nos ajudará a assimilar a espiritualidade, como arte e ciência, assim como a arte e a ciência de forma espiritual. 

Observando  o vasto campo de consciência criado pela civilizações  avançadas do nosso planeta, a  vida natural de nossos ancestrais aborígenes em sua plenitude artística e espiritual,  as filosofias orientais,    as religiões, a física quântica,  a arte ritual presente no mundo, os avanços das pesquisas científicas,  temos todo o necessário  para nutrir a nossa ascensão espiritual como humanidade. Quanto aberta está a sua mente para aprender algo novo? Transcender crenças limitantes  é a chave. 

O desejo de aprender sempre irá ao encontro do conhecimento que deseja em seu ínfimo tornar-se consciente. 

Na medida em que aprendemos algo novo chegamos  em um novo estagio de consciência.  Na  medida que praticamos  o que aprendemos ,  evoluímos  para um novo estado de consciência. Assim, o cristal vai sendo lapidado e abrindo caminhos multidimensionais. 

Parte 3

É comprovado que  não existe relativismo no plano espiritual. O plano espiritual é uma linguagem do absoluto e por essa razão, o uno é indivisível.  

Acessar outras dimensões, por exemplo a 5D,  é possível na medida que você tenha   estabilizado a mente e  a alma na dimensão base, que nesse caso seria a quarta dimensão do tempo.  Se você deseja saltar da terceira para  a quinta dimensão sem ter dominado a quarta, você estará se iludindo.  Isso seria figurativamente, como um vendedor sair de pijama e desejar querer fazer o melhor negocio da sua vida. Ele precisa escovar seus dentes, lavar seu rosto, pentear seu cabelo, vestir uma roupa adequada e estar pronto para encontrar uma boa oportunidade. Assim as portas poderão  abrir-se  e se ele estiver preparado irá consumar o seu objetivo. Em tese precisa do seu ritual. Todos nós precisamos ritualizar com arte nossa vida e tornar cada momento e cada espaço sagrado.

Existe uma escalada para o plano espiritual e nela os atalhos não são efetivos. Você precisa alcançar os estágios e os estados,  até receber o acesso a outras dimensões. Caso você faça um atalho, não ficará mais do que alguns segundos acessando esse plano. Seu acesso vai cair por você não ter se preparado para ele. 

De um ponto de vista logico porem não linear, devemos:

  1. Transcender a 3D matéria – EGO e todas as suas crenças limitantes.  
  2. Cultivar o domínio do tempo 4D – Radial – Mente – Espaço unificados. 

      3 -A acessar a 5D dimensão espiritual. 

Lapidando o cristal chegaremos lá, ao brilho, tão natural como sempre existente.

Parte 4

O paradigma da Lei do Tempo afirma que a dimensão do tempo é a quarta.  Não é diferente da visão de Einstein, ele  afirmou isso anteriormente , mas  não desenvolveu sobre . A Lei do Tempo afirma que o tempo é a frequência  da sincronicidade. Uma dimensão  responsável por unificar o espaço cósmico.  Tudo o que está nos envolvendo agora, o universo multidimensional,  o vazio que nos envolve,  que na realidade não é vazio porque está carregado de partículas eletromagnéticas, gases, vapores , radiação  solar, ( essas partículas geram informação biológica, cargas nutricionais) nos acessa através da quarta dimensão do tempo.  Todo o espaço cósmico está unificado pelo tempo. O tempo é responsável por regular a vida. Isso ocorre através dos ciclos. Por isso podemos comprovar as estações alternadas acontecendo em ambos hemisférios.   Sem querer aprofundar, mas aproveitando para  desenvolver mais sobre isso,  a dimensão do  tempo tem 9 dimensões. Sendo 4 de tempo cíclico, como as fases da lua e as estações que funcionam através do tempo cíclico e 5 dimensões de tempo radial. As dimensões de tempo cíclico podem ser experimentadas pelos sentidos, podemos ver o dia e a noite por exemplo e somos naturalmente induzidos por isso, por exemplo, a ausência da luz , produz melatonina que é responsável por preparar o corpo para dormir.  As dimensões de tempo radial  são de ordem perceptual, isso significa que somente podem ser percebidas por uma mente que desenvolveu a capacidade de observar,  perceber, sintonizar, intuir. Não temos peso e medida nessas dimensões, as coisas são o que são, a mente e o espaço se tornam unidade, não há  conceitos. Esse é o maior desafio que temos, somos seres extremamente pensantes, críticos e dualistas. Quando  o cérebro para de pensar começa sentir-se na solidão, mas acredite que em breve  alcançaremos  o domínio no tempo e sairemos da ilusão para adentrar a realidade. Na quinta dimensão, dimensão espiritual,  existe uma densidade.  Nessa densidade está a força que contem os propósitos inteligentes do cosmos e a rede espiritual da terra unificada.  É um estagio de iluminação da consciência. O lugar onde os médiuns acessam e se comunicam com os reinos espirituais. A mesa redonda dos saberes.

Para alcançar esse grau de consciência,  devemos transcender  densidade da  terceira dimensão  onde o nosso ego está aprisionado.  Na geometria, a terceira dimensão é  largura, profundidade e altura. Somos tridimensionais.  A matéria é atômica, molecular, celular e plásmica, e  pode ser experimentada pelos sentidos e é o lugar de aprisionamento do EGO ( o amante dos prazeres ). O Ego esta preso basicamente  por 4 energias distorcidas que são: o medo da morte, o tabu sexual , a falsa espiritualidade e o materialismo.  Na origem,  essas energias, respectivamente, se referem ao poder de transformação, o sexo como elevação da energia vital, a percepção como florescimento do conhecimento e a abundancia como reflexo do infinito. A cultura babilônica transformou o poder da transformação em medo, o poder do sexo em tabu, a percepção e florescimento em falsa espiritualidade e a abundancia em materialismo. Essa confusão criou raízes profundas na civilização como a conhecemos. 

A quarta dimensão é o  portal das dimensões superiores porque sinaliza que você superou a densidade da matéria e está pronto para acessar o universo pós matéria.  

Isso seria como: ter deixado para trás as velhas crenças e ter iniciado a jornada da alma que é nova a cada instante, mas que jamais perde a origem. 

André – kin93

Deixe um comentário

0
    0
    Seu Carrrinho
    Seu carrinho está vazio.Voltar às compras